• É a Personale de mãos dadas com a saúde

Sono e exercício, a dupla que previne o AVC

Mais concretamente, os investigadores norte-americanos defendem que dormir entre sete a oito horas por noite e treinar entre 30 a 60 minutos entre três a seis vezes por semana é o suficiente para prevenir este problema de saúde.

Mas na hora de aumentar o risco de ter um AVC, tanto o exercício como o sono se mostraram, na mesma, impactantes.


Dormir mal ou durante mais ou menos tempo do que o recomendado – por exemplo, dormir apenas seis horas ou dormir nove a dez horas diariamente – pode causar um AVC.

Assim sendo, destaca o estudo, dormir oito horas por noite reduz em 25% o risco de se ter um derrame.


A conclusão do estudo, citado pelo The Telegraph, surgiu depois de ter sido analisado o estilo de vida, a saúde, a idade e a etnia de 288.888 adultos entre 2004 e 2013.

Por: educacaofisica.com.br - Matéria publicada no site Notícias ao Minuto

Em destaque
Postagens recentes